Notícias

Aracaju - 12/01/18

Cesta básica aracajuana teve redução de 2,8% em 2017

Cesta_dez17.jpg

Análise realizada pelo Boletim Sergipe Econômico, parceria do Núcleo de Informações Econômicas (NIE) da Federação das Indústrias do Estado de Sergipe (FIES) e do Departamento de Economia da UFS, com base nos dados da Pesquisa Nacional da Cesta Básica, realizada pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (DIEESE), apontou que o valor da cesta básica registrado na capital sergipana, em dezembro de 2017, ficou em R$ 340,02. Em termos relativos, verificou-se queda de aproximadamente 0,3%, quando comparado com o valor da cesta básica do mês imediatamente anterior, último mês de novembro. Além de Aracaju, outras seis capitais registraram queda, em igual padrão de comparação, sendo que as maiores reduções foram registradas em Porto Alegre (-3,9%) e Curitiba (-1,7%). Entre as capitais que apresentaram aumento da cesta básica, as variações mais significativas foram registradas no Rio de Janeiro (2,8%), João Pessoa (1,4%) e Recife (1,3%).

Na comparação com o mês de dezembro de 2016, houve redução no valor da cesta básica, em todas as capitais, em Aracaju a redução ficou em aproximadamente 2,8%, enquanto isso, a maior retração foi registrada em Belém, ficando 13,1% abaixo do registrado no ano anterior. Variações em termos nominais, sem considerar o efeito da inflação.  Dentre as capitais brasileiras pesquisadas, no mês de dezembro, a cesta básica de Aracaju registrou o sexto menor valor do país. Salvador registrou o menor valor da cesta (R$ 316,65), já o maior valor foi verificado em Porto Alegre (R$ 426,74).

Desempenho dos preços dos produtos da cesta básica de Aracaju em 2017

Apenas seis produtos da cesta básica aracajuana apresentaram elevações nos preços em 2017, na comparação anual (dezembro/2017). A manteiga e a farinha apresentaram as maiores altas, ficando 25,6% e 20%, acima do registrado no mês de dezembro de 2016, respectivamente. A manteiga também aumentou em outras 19 capitais. Já a farinha aumentou apenas em cinco capitais, com destaque para Maceió, onde o preço da farinha subiu 39,3%, e João Pessoa, com elevação de 10,4%.

Entre os produtos que apresentaram as maiores retrações estão o feijão (-35,8%), o açúcar (-21,9%) e o leite (-15,4%). Os preços do feijão e do açúcar também caíram em todas as capitais pesquisadas. 

Publicações

Guia de Oportunidades para Investidores

Guia - Serviço de Apoio ao Investidor

Análise da Balança Comercial Sergipana - Setembro 2018

Análise de Balança Comercial Sergipana - Setembro 2018

Parceiros

Boletim Sergipe Econômico

Edição- Junho 2017

A Universidade Federal de Sergipe (UFS) e a Federação das Indústrias do Estado de Sergipe (FIES) sentiram a necessidade de lançar um boletim de indicadores econômicos para subsidiar o debate sobre o desenvolvimento do Estado.
saiba mais

Acompanhe o Sistema FIES nas Redes Sociais

Av. Dr. Carlos Rodrigues da Cruz, 826
Centro Administrativo Dr. Augusto Franco - Edf. Albano Franco - 3° andar
Aracaju/SE - CEP: 49.081-015
Tel. (79) 3226-7418

©2013 NIE. Direitos reservados. Acesso SGW